Portogallo-Angola

 
 
img NunesJ
portogalo

DON DEVASIA PUTHIYAPARAMBIL
Delegato
Nomina: 6 dicembre 2018
Email: Questo indirizzo email è protetto dagli spambots. È necessario abilitare JavaScript per vederlo.
ITAESPENG

www.paulus.pt

Storia

Comunità e Attività

Informazioni

Notizie

Multimedia

Typography
No dia da memória litúrgica do nosso fundador, o Beato Tiago Alberione, celebramos 75 anos de presença paulista em Portugal. A eucaristia comemorativa foi presidida pelo Cardeal Patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente, que, na homilia, disse estarmos a celebrar «mais que uma efeméride». «Estamos a celebrar 75 anos de vidas» que se dedicam a um projeto.

Um projeto, uma missão, que representam «uma realidade infinita muito maior que qualquer um de nós poderia imaginar». Por isso, o Cardeal Patriarca deixa o desafio de que este carisma paulista possa «alargar estes horizontes que são os nossos e os do Evangelho».
 
D. Manuel Clemente elogiou o carisma do Beato Tiago Alberione, e afirmou que um carisma não é apenas ter jeito para alguma coisa. «Quando a Igreja reconhece um carisma, reconhece que numa pessoa ou circunstância essa graça se concretizou num serviço que faz crescer a Igreja e cumpre com a função de evangelizar».
 
No final da eucaristia, e em conversa com a Família Cristã, reafirmou a «vantagem» que é contar com o carisma paulista na Igreja. «É uma grande vantagem porque o carisma é esse, o de atualizar, no que diz respeito aos meios de comunicação, essa colaboração que é transportada por um carisma que tem provas dadas e que faz com que a evangelização se encontre nestas novas figuras que são hoje tão atuais e necessárias», afirmou.
 
Sobre o futuro, D. Manuel Clemente desejou que os paulistas continuem «na mesma senda de atualização, de presença e sem receio». «Quando um carisma é reconhecido e é forte, há-de encontrar os meios para ir para a frente. Um carisma não é apenas uma intenção nossa, vem de outra fonte e essa está garantida», concluiu.

Presentes na festa estiveram também os conselheiros gerais, em visita canónica, Pe. Salud Paredes e Ir. Luigi Bofelli, para além dos membros da Família Paulista, muitos amigos da Sociedade São Paulo, e outros que, não podendo estar presentes, não quiseram deixar de se associar. Por isso, o Pe. Devasia, delegado dos paulistas em Portugal, tomou a palavra no final para ler a mensagem que o Superior Geral, Pe. Valdir José de Castro enviou, agradecer a presença de todos e congratular-se pelos 75 anos da congregação em Portugal, uma história que começou com o Pe. Benedito Boano Xavier, que, no dia 18 de Outubro de 1943, chegou a Lisboa com o encargo de implantar em Portugal a Sociedade de São Paulo, e que dura até aos dias de hoje.
 
 

Dove Siamo